Miss foi ‘esfaqueada enquanto dormia’

Rafael Fernandes, 31, chegou na noite de sábado (16) em Manaus-AM e foi direto para Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros.

Rafael confessou a polícia em depoimento como matou a namorada, a miss Manicoré Kimberly Mota, 22, assassinada a golpes de faca no último domingo (10).

De acordo com a polícia civil do Amazonas, Rafael Fernandes disse em depoimento que matou a namorada após mexer no celular dela.

“Ele falou que a namorada estava dormindo ao lado dele, num determinado momento ele acordou e começou a mexer no celular dela. Ao ver algumas mensagens ele ficou furioso”. Paulo Martins, titular DEHS.

Com base no depoimento, o delegado diz Rafael teria desferido os primeiros golpes em Kimberly, enquanto ela dormia.

“Ele diz ainda que a Kimberly estava dormindo quando ele deu os primeiros golpes na região do pescoço”.

O suspeito estava com a namorada em seu apartamento na zona sul de Manaus.
Após o crime, Rafael decidiu fugir deixando o corpo de Kimberly no apartamento.

O bacharel em direito e funcionário do Tribunal Regional do Trabalho – 11° Região, foi capturado pela polícia na sexta-feira (15) em uma região de mata no município de Pacaraima em Roraima.

Avatar

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *