Celebração emociona famílias doadoras de órgãos e tecidos

Uma noite de muita emoção e repleta de gratidão. Assim foi a homenagem para 60 famílias que autorizaram a doação de órgãos de seus entes queridos no Amazonas, realizada nesta sexta-feira (27/09), no auditório da Federação das Indústrias do Amazonas (Fieam). O evento marcou o encerramento do Setembro Verde, de sensibilização de doação de órgãos e tecidos.

Os familiares que deram seu sim para a doação de órgãos foram homenageados pela Central de Transplantes da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) com um culto ecumênico. Na cerimônia, as fotos de 60 doadores foram projetadas em um telão, enquanto familiares davam seus depoimentos emocionados.

Contando sua experiência após autorizar a doação das córneas do filho falecido há quatro meses, Michele Bastos não deixou de falar sobre a importância do tema. A mãe contou que a doação de órgãos era um desejo do filho em vida, que foi respeitado pela família.

“Ele em vida quis, e quando faleceu eu fiz isso pra ele. Se for preciso da minha pessoa eu também faço, e as pessoas que estiverem ouvindo, que façam a mesma coisa, porque tem muito ser humano que está precisando, tem gente que precisa de uns olhos como meu filho doou, e de outros órgãos também”, disse ela.

As famílias homenageadas acabaram se tornando multiplicadoras da conscientização sobre a importância de doar órgãos. “Por favor, ajude porque é muito bom. É uma emoção muito grande pra mim como mãe, e eu estou feliz. Feliz que estou sabendo que outra pessoa está vendo o que ele queria ver ou coisas melhores”, completou Michele Bastos.

O evento acontece desde 2005 e, neste ano, concentrou o maior número de famílias de doadores dos últimos 14 anos. A secretária executiva da capital da Susam (SEA-Capital), Dayana Meijia de Souza, ressaltou a importância da gratidão.

“É um ato de gratidão. A doação de órgãos é um ato de amor acima de tudo. É um ato de continuidade da vida, e nós precisamos ser gratos às pessoas que fazem essa doação. Nós podemos fazer outras pessoas viverem, ainda que essa escolha seja tomada em um momento de muita dor em nossas famílias”, disse a secretária.

Balanço – Ao longo do Setembro Verde, campanhas foram feitas para a sensibilização da doação de órgãos e tecidos em todo o estado. Ao encerrar esse ciclo de campanha, a coordenadora estadual de transplantes, Leny Passos, fez uma avaliação positiva da ação.

“Estamos numa ação muito forte, desde o dia 1º de setembro, que abrimos com uma Caminhada pela Vida que foi muito bem participada. Tivemos mais mil inscrições na caminhada, esgotando nas primeiras 48 horas. Prosseguimos com várias sessões, nas quais visitamos hospitais, visitamos comunidades e falamos sobre a doação de órgãos e tecidos”, ressaltou a coordenadora.

Além das homenagens durante o culto, mudas de árvores da felicidade e de ypês amarelos foram distribuídas, pela Susam, às famílias dos doadores.

Fonte – Susam – Secom Am
Fotos – Bruno Zanardo


Redação Portal do Norte

Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..
Redação Portal do Norte

 

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *