Conselho do MP pune Deltan Dallagnol com advertência por críticas a ministros do STF

Os próprios advogados do procurador admitiram que as declarações usaram “linguagem imprópria”

O procurador federal Deltan Dallagnol recebeu nesta terça-feira uma advertência do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) por ter feito declarações consideradas indevidas a respeito de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

O plenário de conselheiros seguiu a recomendação do relator, Luiz Fernando Bandeira, no processo administrativo disciplinar contra Deltan. Em seu voto, Bandeira disse que o procurador da Lava-Jato até mereceria uma censura, pena máxima prevista para esse tipo de processo, mas que seus bons antecedentes justificam apenas uma advertência.

O processo contra Deltan tem origem numa entrevista à rádio CBN em agosto de 2018, quando ele afirmou que decisões tomadas pelos ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski passam a mensagem de leniência com a corrupção. O caso foi analisado “em bloco”, ou seja, quando os processos são tratados conjuntamente, sem análise aprofundada.

“Os três mesmos de sempre do Supremo Tribunal Federal que tiram tudo de Curitiba e que mandam tudo para a Justiça Eleitoral e que dão sempre os habeas corpus, que estão sempre formando uma panelinha assim que manda uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção”, disse o procurador, durante a entrevista na CBN.

Nesta terça, os próprios advogados de Deltan admitiram que as declarações usaram “linguagem imprópria” e foram dadas em “um momento infeliz” e ocasionadas pelo “excesso de zelo” do procurador, “compatível com a sua juventude”.

A maioria dos conselheiros entendeu que a liberdade de expressão não é um direito absoluto, ou seja, Deltan, como procurador da República, não poderia se referir a ministros do Supremo usando os termos que desejar.

O CNMP ainda votará nesta terça-feira duas reclamações contra Deltan, impetradas pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL) e pela ex-ministra Kátia Abreu.

Fonte. Valor Econômico


Avatar

Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *