Amazonas não deve ‘reabrir’ academias, salões de beleza e barbearias

Amazonas não deve ‘reabrir’ academias, salões de beleza e barbearias

Governadores de diversos estados decidiram que vão manter fechados salões de beleza, barbearias e academias de ginástica, mesmo com o decreto presidencial que inclui esses serviços na lista de atividades essenciais durante a pandemia da covid-19. O texto foi publicado ontem (11) em edição extra do Diário Oficial da União.

No amazonas o governador Wilson Lima declarou em entrevista on line que manterá as medidas restritivas de isolamento social orientadas pelo Ministério da Saúde (MS) e a Organização Mundial da Saúde (OMS). A declaração foi feita na noite desta terça, 12, na sede do governo logo após o fim de uma reunião do governador com representantes dos Poderes e da indústria e do comércio.

“Estamos trabalhando 24 horas para combater esta pandemia. O nosso objetivo é salvar vidas e se não houver redução comprovada nos registros de casos, de pacientes graves e óbitos, não há como promover reabertura. Ao contrário, podemos, seguindo orientações da área de Saúde, promover mais restrições para que as pessoas fiquem em casa”, disse Lima.

Ao final da entrevista Wilson Lima informou que no dia 27 de maio deve acontecer uma nova reunião com os mesmos representantes que estiveram reunidos hoje, 12/5, para avaliarem os dados da pandemia no estado e então definir se dia 1° de Junho será possível flexibilizar as regras do isolamento social no Amazonas.


Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Deixe uma resposta