Com ‘sobra de caixa’, governo vai reformar João Lúcio

Com ‘sobra de caixa’, governo vai reformar João Lúcio

Reconhecido como hospital de referência em neurologia e politraumatismo o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Dr. João Lúcio, passará por reforma após 12 anos. O anúncio foi feito pelo governador Wilson Lima (PSC), nesta quarta-feira (27).

Considerado a maior unidade hospitalar da zona leste de Manaus o HPS receberá obras de recuperação de infraestrutura. O projeto deve ser concluído em 180 dias.

“A reforma custará algo em torno de R$ 15 milhões, são recursos do BID, recursos oriundos de uma sobra daqueles recursos de saneamento de igarapés. Nós fomos junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) fazer um pleito para que essa sobra pudesse ser utilizada para o combate à Covid-19, e como o pronto-socorro João Lúcio é um hospital que está atendendo pacientes com Covid-19, o BID prontamente fez a liberação do recurso”, disse o governador.

A secretária de Saúde, Simone Papaiz, reforçou que a reforma não vai interferir no atendimento aos usuários da unidade.

“Não haverá descontinuidade da assistência, nem na porta da entrada e nem nos processos eletivos que a unidade fornece. A cada fase do projeto haverá o remanejamento da assistência, se necessário, daquele ambiente para outros ambientes hospitalares. Assim, vamos manter a assistência dentro da sua capacidade operacional, e o andar da obra não trará riscos à assistência”, finalizou.


Fotos. Diego Peres – Secom; Caio Fonseca – portaldonorte.com


Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Deixe uma resposta