Pesquisador da UEA publica artigo em revista internacional

O pesquisador do grupo de Química Aplicada à Tecnologia da Escola Superior de Tecnologia da Universidade do Estado do Amazonas (EST/UEA), Vinícius Fernandes de Souza, teve o artigo aprovado na revista internacional “Trends in Plant Science”. A publicação destaca processos biogeoquímicos na concentração do CO2 e controle de taxas de emissão de isopreno em árvores.

Intitulado “Alternative carbon sources for isoprene emission”, o artigo é parte da tese de doutorado e foi desenvolvido em parceria com o Programa de Pós-graduação em Ciências de Florestas Tropicais (PPG-CFT) do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (MCTIC/INPA), orientado pelo coordenador do Laboratório de Fisiologia e Bioquímica Vegetal (LBFV) da Coordenação de Dinâmica Ambiental (CODAM) do INPA, Dr. José Francisco de Carvalho Gonçalves. Além de contar com o apoio do grupo de pesquisa de Química Aplicada à Tecnologia da UEA, liderado pelo Doutor Sergio Duvoisin Junior.

A pesquisa trata do efeito integrado dos impactos de diferentes fatores ambientais (radiação, temperatura e CO2) sobre os principais mecanismos de síntese e emissão dos compostos orgânicos voláteis (COVs) liberados por algumas espécies de plantas encontradas na região Amazônica, e assim comparar os resultados com as análises realizadas com as espécies mais representativas de regiões temperadas.

Para o pesquisador, o trabalho é um grande avanço para o meio acadêmico e científico que permite além de um amplo conhecimento na área, abrir várias possibilidades para novas pesquisas. “Hoje o laboratório da UEA está com uma plataforma científica e de equipamentos bastante robusta, o que nos oferece a total possibilidade de realizar as pesquisas associadas à fisiologia de plantas, especificamente a emissão de compostos orgânicos voláteis”, explicou.

Vinícius destacou ainda que esse tipo de linha de pesquisa é um passo a mais para alunos e professores da universidade na área de Química e Biologia. “A partir dessa divulgação queremos atrair estudantes interessados para que possam trabalhar no mestrado, doutorado, até mesmo alunos de graduação que possam se unir ao grupo do laboratório e iniciar pesquisas nessa área, como também gerar resultado e produtos que possam ser divulgados para a sociedade em geral, uma vez que as mudanças climáticas podem ter consequências para qualquer pessoa do mundo”.

 

 

 

Fonte. Vanessa Alcântara – ASCOM UEA
Foto. Arquivo pessoal pesquisador


Redação Portal do Norte

Redação Portal do Norte

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..
Redação Portal do Norte

 

Manaus, Amazonas, Amazônia, Brasil, Comunicação, Imprensa, Notícias..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *