Espetáculo ‘Mensageiros de Francisco’ retrata religiosidade do ribeirinho

Cultura

O espetáculo gratuito acontece nesta quinta (12), a partir das 19h, no Palácio da Justiça.

Peculiaridades do universo dos ribeirinhos compõem o espetáculo “Mensageiros de Francisco”, que o Balé Folclórico do Amazonas (BFA) exibe nesta quinta-feira (‪12/03‬), ‪às 19h‬, no Centro Cultural Palácio da Justiça (avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro, zona sul).

Com 30 minutos de duração, o espetáculo retrata como a religiosidade dos ribeirinhos e a relação com São Francisco interfere nas atividades cotidianas, como plantação, colheita e pesca, além das ações das mulheres e na vida das crianças ribeirinhas.

“Guiados por São Francisco, os ribeirinhos seguem os sons da natureza, assim como este trabalho, que foi inspirado por um repertório do Raízes Caboclas. A diretora do BFA, Conceição Souza, encontrou um CD do grupo em um dos seus passeios pelo Largo de São Sebastião e idealizou todo o espetáculo em músicas que remetem o que vive a companhia, que é muito neste perfil ribeirinho, tudo muito natural”, conta a assistente de direção do BFA, Magda Carvalho. “A partir daí, a professora criou as cenas e trouxe os dados para o nosso ensaiador, Eduardo Amaral, preparar, juntos, as coreografias”.

Magda adianta que, em cena, são usados elementos típicos da população interiorana, como paneiro, rede de pesca e cuia, que são aliados aos movimentos típicos da vida ribeirinha. Ela explica que o espetáculo já tem mais de 30 apresentações desde a primeira vez que foi exibido no palco do Teatro Amazonas.

“Nós adaptamos o espetáculo aos espaços de apresentações, já levamos para escolas, hospitais e até para a Igreja de São Sebastião, que tem um link com ‘Mensageiros de Francisco’, porque o disco do Raízes Caboclas, com mesmo nome da obra, foi composto com a participação do frei Fulgêncio”, comenta a assistente de direção.

Encenada por mais de 20 bailarinos que formam a companhia, a estreia da obra aconteceu em 2019 em comemoração aos 18 anos do BFA.
“Este espetáculo é um dos exemplos da proposta do Balé Folclórico, de representar nossa cultura, folclore e lendas regionais”, define a diretora do BFA, Conceição Souza.

Agenda – A programação do BFA para 2020 iniciou com a proposta de superar o número de apresentações do ano passado, que foi de 69 exibições, em diferentes espaços.

“O Balé Folclórico está em todas as áreas da cidade. Já estamos com a agenda cheia. Até agora são 40 apresentações marcadas, com pautas no Teatro Amazonas e Palácio da Justiça, mas também em escolas, universidades e hospitais, como, por exemplo, o Hospital João Lúcio no dia ‪27 de março‬”, afirma a diretora. “Também temos o projeto ‘Manhã Cultural’, uma parceria do BFA com o Centro Cultural Usina Chaminé, em que recebemos escolas para acompanhar o dia a dia da companhia. Desta forma, ampliamos o nosso público, que já é bem diversificado”.
Entre os espetáculos marcantes na trajetória do Balé Folclórico do Amazonas estão “Beiradão”, “Herança Africana” e “Cenas Amazônicas.

SERVIÇO: Espetáculo “Mensageiros de Francisco”, com o Balé Folclórico do Amazonas.
DATA: Dia 12 (quinta-feira) de março de 2020.
HORÁRIO: ‪Às 19h‬.
LOCAL: Centro Cultural Palácio da Justiça (‪avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro‬, zona sul).
ENTRADA: Acesso gratuito.
CLASSIFICAÇÃO: Livre.
 
Fotos. Michael Dantas – Ascom SEC-AM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *