Sob decreto, concessionária corta água na Redenção

Manaus

A proibição do corte de serviços essenciais como o fornecimento de água e luz elétrica durante a vigência do ‘estado de calamidade pública na saúde do estado do Amazonas’ decretado pelo governador Wilson Lima parece não ter sido levado em conta por uma concessionária que atua na capital do estado.

Na manhã desta quarta-feira, 8, manauaras do bairro da Redenção, na zona Oeste de Manaus entraram em contato com a redação do portaldonorte.com para reclamar da atuação de alguns trabalhadores da Águas de Manaus.

rua Cubatão, Redenção – zona Oeste

Segundo moradores da rua Cubatão, que enviaram fotos e vídeos à nossa redação, técnicos da empresa passaram a manhã trabalhando nos encanamentos e troca de registros de água em diversos domicílios ao longo da rua. No entanto alguns casos teriam extrapolado para o ‘corte de água’, situação não esperada e que indignou os reclamantes nestes dias de pandemia, sobretudo pelo fato do decreto do governamental ainda estar em vigência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *